Ir para conteúdo

Mercedes-Benz C63 AMG: a irresistível tentação de pisar fundo

O ano de 2008 foi especial para a Mercedes-Benz. A chegada do C63 AMG marcou uma transição importante entre os bólidos bem preparados e os bem preparados e extremamente barulhentos (no bom sentido, claro). A partir daquele momento os esportivos rugiam como leões ensandecidos.

O coupé da matéria traz o pacote P30, o que significa que seu motor V8 apirado, com 6,2 litros e torque de 61,1 kgfm entrega 487 cv de pura força. Além disso, rodas de 18 polegadas, bancos esportivos e o comprometimento com o prazer de dirigir ouvindo apenas o ruidoso escapamento.
Andar em um modelo preparado pela AMG é sempre legal. Eles entregam força bruta e desempenho na medida certa. Apesar da transmissão Speedshift de 7 marchas não gostar muito do modo manual (tive a mesma impressão a bordo da SLS AMG), a tocada é divertida e entusiasmante. Isso pra dizer o mínimo. Divirtam-se.

Mercedes-Benz C63 AMG Coupé Mercedes-Benz C63 AMG Coupé Mercedes-Benz C63 AMG Coupé Mercedes-Benz C63 AMG Coupé Mercedes-Benz C63 AMG Coupé Mercedes-Benz C63 AMG Coupé

Garagem do Bellote Ver tudo

Renato Bellote, 41, é jornalista automotivo em São Paulo e colunista do portal IG. Nesse canal traz avaliações a bordo de clássicos, superesportivos, picapes e modelos atuais do mercado.

Garagem do Bellote TV: paixão por carros!

Imagens protegidas pela Lei de Direitos Autorais (Nº 9610/98)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: