Ir para conteúdo

MGB e MGF: charme britânico em alta

Os roadsters ingleses entraram pra história por causa de dois aspectos: o estilo e o prazer ao volante. O tamanho compacto é outro destaque e transforma um simples passeio de final de semana em uma oportunidade bastante especial. É o que pudemos notar a bordo de duas versões distintas: MG B e MG F. 

O MG B é clássico e traz todas as qualidades que eu citei anteriormente com uma pitada de requinte. Acabamento de primeira, ótima posição de dirigir e as rodas – estilosas – de cubo rápido.  Ele traz o motor de 4 cilindros, 1,8 litro, com dois carburadores SU e 94 cv. O torque é de 14,6 kgfm.
Já o MGF, última versão produzida sob comando inglês, incorporou o espírito do passado com toques modernos. O motor entre-eixos também tem 1,8 litro, mas comando de válvulas variável e 145 cv, com torque de 17,7 kgfm. 
Em ambos o espírito de liberdade prevalece. Acelerações rápidas dentro do esperado, boa manobrabilidade e rapidez nas trocas de marcha. Dois ingleses vestidos para um casamento ou simplesmente para um divertido track day.  

MGB e MGF MGB Sem título Sem título Sem título MGF Sem título Sem título Sem título Sem título

Garagem do Bellote Ver tudo

Renato Bellote, 41, é jornalista automotivo em São Paulo e colunista do portal IG. Nesse canal traz avaliações a bordo de clássicos, superesportivos, picapes e modelos atuais do mercado.

Garagem do Bellote TV: paixão por carros!

Imagens protegidas pela Lei de Direitos Autorais (Nº 9610/98)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: