Ir para conteúdo

Mercedes-Benz 190E 2.3-16: pisamos fundo no sedã preparado pela Cosworth

Rápido. Esportivo. Conservador. Essas três características saltam à vista quando falamos do 190E 2.3-16. Mas uma delas, que ainda não foi falada, define bem seu comportamento: nervoso. O modelo com cabeçote desenvolvido pela Cosworth marcou época e entrou pra história como um dos sedãs mais rápidos de sua época.

A história começou em 1984, quando alguns pilotos de Fórmula 1 foram convidados para a prova inaugural do novo traçado do circuito de Nürburgring. Emerson Fittipaldi não pôde comparecer, mas mandou em seu lugar um novato que faria toda a diferença chamado Ayrton Senna.
O brasileiro não apenas se destacou nos treinos, largando na segunda posição, como também venceu a prova e, além de faturar um exemplar, mostrou qualidades que seriam seu referencial nos anos seguintes e que o levariam à conquista do tricampeonato de Fórmula 1. Curiosamente, Prost largou na pole e chegou em segundo.
Um dos segredos do 190E está debaixo do capô: o motor de 2,3 litros, 16 válvulas e 185 cv a 6.200 rpm. Mesmo com a transmissão automática, como no exemplar avaliado, o desempenho é um de seus pontos fortes, com 0 a 100 km/h na casa dos 7,5 segundos e velocidade máxima de 230 km/h.
Nos vemos na próxima semana!

  Mercedes-Benz190E 2.3-16 Sem título Cosworth Sem título Sem título

Garagem do Bellote Ver tudo

Renato Bellote, 41, é jornalista automotivo em São Paulo e colunista do portal IG. Nesse canal traz avaliações a bordo de clássicos, superesportivos, picapes e modelos atuais do mercado.

Garagem do Bellote TV: paixão por carros!

Imagens protegidas pela Lei de Direitos Autorais (Nº 9610/98)

2 comentários em “Mercedes-Benz 190E 2.3-16: pisamos fundo no sedã preparado pela Cosworth Deixe um comentário

  1. Bellote,Adoro suas matérias, só um toque manômetro é para medir pressão, os demais são voltímetro, amperímetro, tacômetro, velocímetro etc.;Grande Abraço!

    Curtir

  2. Bellote… parabéns pela matéria… esta W201 190E 2.3 16 é um ícone que tornou-se, em todo mundo, um clássico colecionável.Apenas para ressaltar, a 190E pilotada por Ayrton Senna em 1984 encontra-se exposta, em local de honra, no museu do circuito de Nürburgring – Alemanha, guardando ainda todas as características originais de quando utilizada na prova. Tenho fotos daquele veículo, tiradas por eu mesmo, caso queira acrescentar! Um abraço!

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: