Ir para conteúdo

Mercedes-Benz 230 CE

Mercedes-Benz

Um clássico em ascensão. Se fosse escolher o título para uma matéria com o destaque dessa semana, certamente seria esse. Os Mercedes-Benz 280 e 230 CE estão tendo seu valor reconhecido tanto no mercado quanto na garagem de colecionadores do mundo todo nos últimos anos.

230 CE

VÍDEO

O leitor já conheceu três exemplares do modelo 280, a versão com seis cilindros. Agora temos uma verdadeira raridade, com apenas quatro representantes no país. O 230 CE tem um motor de quatro cilindros e o mesmo charme da marca alemã.

Até 1985, ano desse carro na cor verde-petróleo, foram produzidas 29.858 unidades da versão. O proprietário teve o cuidado de levantar a certidão de nascimento e pôde conferir que o veterano veio recheado de itens de conforto, tais como vidros térmicos, trava central e teto solar elétrico.

TEST-DRIVE

Mais do que admirar suas linhas a parte divertida foi dirigir o cupê esportivo. Para quem gosta de andar com o teto-solar aberto, esse é um item que foi lembrado pelos engenheiros da empresa. A abertura é fantástica. O motor equipado com a injeção K-Jetronic entrega 136 cv brutos e tem um desempenho compatível com sua proposta. O escalonamento das marchas permite uma condução suave, sem estardalhaço. No melhor estilo Mercedes-Benz, diga-se de passagem.

Curiosamente cinqüenta por cento das unidades do 230 CE foram produzidas com transmissão automática. Eu diria que – no caso deste cupê de quatro cilindros – perderia um pouco a graça. Afinal, nada melhor do que pegar uma estradinha sinuosa, abrir o teto solar e aproveitar a elasticidade dos cavalinhos do motor, afiados para trabalhar com o propulsor cheio. Até mais e bom carnaval a todos!

Garagem do Bellote Ver tudo

Renato Bellote, 41, é jornalista automotivo em São Paulo e colunista do portal IG. Nesse canal traz avaliações a bordo de clássicos, superesportivos, picapes e modelos atuais do mercado.

Garagem do Bellote TV: paixão por carros!

Imagens protegidas pela Lei de Direitos Autorais (Nº 9610/98)

2 comentários em “Mercedes-Benz 230 CE Deixe um comentário

  1. Salve Renato,Que saudade, em meu segundo estágio na Alemanha (1989-1993) eu tive um 230E de 4 portas (que comprei usado), cor branca. O apelido era João Teimoso, pois a placa tina as letras \”JT\”. Um grande carro que tratei a pão de ló, levando para todas as revisões em concessionárias.Os carro \”CE\” pertenciam a uma série de maior luxo e iam deliberadamente contra a tendência das 4 portas, mas tinham lugar para 4 adultos com conforto.Meu vizinho de vaga tinha um CE creme, trocávamos idéias sobre nossos carros.Quando o estágio terminou consegui vender o carro para um negociante que levava Mercedes usados para o Oriente. Em países como o Líbano estes carros eram muito apreciados, pois ainda tinham uma sobrevida muito grande, comparada com outros carros. É por isto que a gente vê tantos Mercedes em noticiários daquela região.Daria para ficar um bom tempo falando da qualidade e conforto daquele 230E (E de Einspritzung que é injeção direta, mecânica no caso)e dos passeios que fiz com ele…Grato por trazer estas lembranças através de seu excelente relatório filmo-fotográfico desta semana.Um abraçoAlexander

    Curtir

  2. Com um 'carro alegórico' que simboliza, luxo, potência e a elegância dos carrões da estrela de três pontas, qualquer carnaval fica feliz.Parabéns pelo post Bellote, e pelas imagens e o texto que deixam bem claras as impressões de quem 'passa a mão' em mais uma jóia rara da Mercedes.abs. e bom Carnaval pra ti também.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: