Ir para conteúdo

BMW M3 (E46): último seis em linha cola o corpo no banco

BMW E46 M3

Quando a divisão esportiva da BMW foi criada, no início dos anos 70, a idéia original era pisar fundo. Afinal, com as retas generosas das Autobahns, velocidade não era um problema. Quando o M3 foi apresentado, em 1986, logo de cara ganhou a fama de esportivo devorador de asfalto com seus 215 cv brutos…

M: the powerful letter in the world

Cockpit

343 cv

Estilo

6 marchas

Esportividade

VÍDEO

A geração seguinte justificou a fama e aumentou a legião de fãs. Com um estilo agressivo, ronco instigante e dirigibilidade impecável passou a agradar à imprensa especializada em diversos comparativos com outros esportivos de renome.

O bólido das fotos é um representante arisco da geração E46. O carro chegou ao mercado em 2000, com design sedutor e linhas cheias de malícia, que passavam a verdadeira idéia do que era a divisão M. Basicamente algo atraente, veloz e intenso com quatro rodas. Simples, não é?

A novidade nessa época era justamente a opção do câmbio SMG de seis marchas com os divertidos paddle shifts no volante. Mas o dono desse exemplar é adepto da velha escola e procurou muito até encontrar um que estivesse equipado com o desejado câmbio manual. Nada como prezar a tradição e domar os 343 cv brutos no braço.

TEST-DRIVE

E foi exatamente isso que tive a satisfação de fazer em um passeio pela cidade. O motor de seis cilindros segue a linhagem clássica da marca alemã. Ao dar a partida, o ronco – metálico, como definiu certa vez Ingo Hoffmann – ecoou pelo quarteirão vazio. Mais algumas estocadas e aquilo se torna – quase – um vício.

O banco tem diversos ajustes eletrônicos. Cabe ao condutor encontrar a melhor posição para a “pilotagem”. Assim como o E36 M3 que dirigi no final do ano, o painel é compacto, de modo que é possível se sentir verdadeiramente em um cockpit. Ele é justo na medida certa.

Primeira marcha. A embreagem é dura. Saímos. Uma esticada de leve e o motor mostra que quer asfalto e mais rotação. A segunda é engatada e o torque empurra o corpo contra o banco. O escapamento urra como um monstro que estava adormecido. Mãos firmes no volante, uma olhada rápida no conta-giros e pé direito mais fundo. Fantástico!

A descrição acima foi apenas do começo da brincadeira. O torque é tão incisivo que, mesmo andando calmamente, uma pisada faz o carro acordar e grudar na pista, digo, na rua. Os escapamentos produzem a sinfonia a cada estímulo, instigando o motorista a provar um pouco dessa sensação inebriante a cada brecha no trânsito.

Apesar de toda a fúria, o bólido também se comporta com tranqüilidade em uma tocada menos, digamos, efusiva. Encerro o texto com a frase de um folheto de propaganda, que dizia: “O novo M3 não é feito apenas para fanáticos por carros. É feito por eles”. Simplesmente genial.

Garagem do Bellote Ver tudo

Renato Bellote, 41, é jornalista automotivo em São Paulo e colunista do portal IG. Nesse canal traz avaliações a bordo de clássicos, superesportivos, picapes e modelos atuais do mercado.

Garagem do Bellote TV: paixão por carros!

Imagens protegidas pela Lei de Direitos Autorais (Nº 9610/98)

7 comentários em “BMW M3 (E46): último seis em linha cola o corpo no banco Deixe um comentário

  1. O pápa-léguas na pista deve servir de palco para o som da \”orquestra sinfônica bávara\” emitida pelo seu poderoso motor, sob a batuta da cavalgada de seus 343 cavalos de potência….Falar dos M3 dá nisso,quase um poema!Parabéns Bellote por mais estes cliques, com pormenores precisos, e pelo vídeo que também começa com as imagens destes detalhes que só realçam ainda mais a beleza e a imponência dos carros desenvolvidos pela divisão esportiva da BMW.abs.ALYSSON PRADO \”BALO\”

    Curtir

  2. I'm extremely inspired with your writing abilities as smartly as with the layout to your weblog. Is that this a paid topic or did you modify it your self? Either way keep up the excellent high quality writing, it's rare to look a great weblog like this one these days..My web blogmur de clôture en parpaings

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: