Ir para conteúdo

Maverick GT

Maverick GT

Um puro-sangue nacional. Após uma seqüência de bólidos estrangeiros o Maverick GT chegou ao piso dos Ford V8. A cor alaranjada da carroceria atraiu a atenção de alguns curiosos enquanto fazíamos o ensaio no Pacaembu.

1974

Perfil

Roda

Usina de força

Muscle car

Conta-giros

VÍDEO

http://videos.streetfire.net/vidiac.swf

Uma das características mais marcantes do esportivo é justamente o ronco do propulsor V8, que não passa despercebido pela rua. Ele recebeu comando de válvulas Crane, coletor de admissão Edelbrock em alumínio, carburador quadrijet da Holley, distribuidor Mallory e ignição Crane. O sistema de escapamento é um 8×2 e o bólido – acho que esta é uma boa definição – despeja por volta de 260 cv brutos no asfalto. O câmbio é um Tremec T5, ele tem freios a disco nas quatro rodas e utiliza pneus Cooper Cobra 225/60 R14 na frente e 245/60 R14 na traseira.

Esse é o segundo GT que fotografo e ele traz de volta uma época de gasolina barata e muitos cavalos sob o capô. Leia a matéria que escrevi sobre ele na revista Autoesporte. Resumindo: um quarto de milha a cada esquina!

Garagem do Bellote Ver tudo

Renato Bellote, 41, é jornalista automotivo em São Paulo e colunista do portal IG. Nesse canal traz avaliações a bordo de clássicos, superesportivos, picapes e modelos atuais do mercado.

Garagem do Bellote TV: paixão por carros!

Imagens protegidas pela Lei de Direitos Autorais (Nº 9610/98)

7 comentários em “Maverick GT Deixe um comentário

  1. Renato, gosto muito do blog mas às vezes sinto falta de uma ficha padrão do veículo fotografado. Por exemplo: marca, modelo, versão, ano de fabricação, nome oficial da cor, uma ficha técnica básica e outras informações que certamente enriqeceriam ainda mais cada ensaio fotográfico. De resto, nota 10! Abraços. (LAP)

    Curtir

  2. Luis Augusto,o nome dessa cor é Laranja mandarim,e saiu nos modelos Ford de 1973 a 1975,inclusive os utilitários (picapes F100,Jeep,Rural e F-75) e caminhões (F-350,e F-600).Tenho um amigo que conseguiu localizar um raro Maverick GT dessa cor,ano/mod. 1973,da primeira série,e após finalizar a restauração de um Mustang GT Fastaback ano 1967,vai dar início a mais um processo lento,custoso,mas de prazer sem igual:trazer à vida um dos mais cultuados carros já produzidos por aqui…Renato,meus parabéns pelos lindos cliques,e estendo minhas felicitações ao dono dessa fera !!!Forte abraço a todos !!!

    Curtir

  3. Olá, admiro muito o seu trabalho, os carros da garagem são íncriveis, todos são simplesmente fantásticos, mais o que mais me impressionou foi o Puma GTB S1, aquele carro ficou nota 1.000! Parabéns pelo trabalho, e continue assim com este excelente trabalho que é cuidar de carros de verdade,

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: